ULTIMAS NOTÍCIAS

quinta-feira, 22 de junho de 2017

IMAGEM DO DIA!

Uma belíssima imagem na região de Ponta Grossa - Icapuí - CE

CIRCULA NA INTERNET

O ARRAIÁ DA PROPINA ...

FONTE:  

REFLEXÃO DO DIA!

“Amo a liberdade, por isso deixo as coisas que amo livres. Se elas voltarem, é porque as conquistei; se não voltarem, é porque nunca as possuí.” (JOHN LENNON)

quarta-feira, 21 de junho de 2017

CIRCULA NA INTERNET

TESTANDO A SUA VISÃO...

ITAJÁ: Durante Vila Cidadã, Robinson anuncia estação de piscicultura

vila ro
Os moradores do município de Itajá tiveram nesta quarta-feira (21) um dia de lazer, cidadania e cultura com a realização de mais uma edição do projeto Vila Cidadã. Coordenado pela Secretaria de Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas), o programa tem como principal objetivo proporcionar à população carente os serviços públicos oferecidos pelo Estado.
Na ocasião, foram anunciadas diversas ações de governo. Uma das grandes benfeitorias virá com a instalação da estação de piscicultura no município. “A estação vai gerar um grande aquecimento na economia itajaense, oferecendo emprego e renda à população”, disse o governador Robinson Faria.
Dando continuidade, o chefe do executivo assinou diversos termos de cooperação, entre eles, para construção de 50 casas por meio do programa Moradia Cidadã, da Ceahb; ordem para perfuração de quatro poços; e de cooperação técnica visando desenvolvimento do setor agropecuário, através da Emater.
Ainda foi anunciada a liberação de R$ 500 mil para o Cartão Reforma, a reforma da delegacia da cidade e das escolas João Tertolino Lopes e João Manoel Pessoa Lopes; por último, a construção da estrada que liga Carnaubais à Serra do Mel, conhecida como Estrada das Castanhas. Sonho de mais de 50 anos que, com investimento de quase R$ 60 milhões, se tornará realidade.
“Já estamos adiantados no processo de licitação. Essa estrada é importantíssima pois facilitará a vazão de nossa fruticultura”, comemorou Robinson.
Cidadania ao alcance de todos
O ceramista Clóvis Sebastião comemorou ao fazer a nova identidade. Há muito queria renovar a documentação, mas achava complicado ter que se deslocar até um município vizinho para fazê-lo. A celeridade se deu por conta da chegada do Vila Cidadã, que em sua 17ª edição, deve somar 39 mil atendimentos.
“Quando soube que a Vila viria para cá tratei de me organizar para chegar bem cedo. Agora tenho meu RG novo, me sinto importante.”, disse o senhor Clóvis.
Além dele, foram cerca de 3 mil beneficiados com esse dia especial, que promoveu cidadania ao levar serviços de emissão de carteira de identidade, CPF, carteira do artesão, ações da Secretaria de Saúde com a realização de testes rápidos de HIV/Aids, sífilis, glicemia, doação de preservativos, verificação de pressão arterial, ações do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), serviços do Detran, cadastro para vagas de emprego pelo Sine-RN.
“Quando pensamos o Vila Cidadã, pensamos num programa para atender quem precisa de serviços básicos e tinha dificuldade de acessá-los. Temos aqui um programa que valoriza o cidadão, é o governo vindo atender a todos que precisam”, reforçou o governador Robinson Faria.
Finalizando o evento, entregou equipamentos de informática, balanças de médio e grande porte, um carro equipado com câmara frigorífica, do Compra Direta e 200 kg de peixes e laticínios, prometendo voltar à cidade com o Microcrédito para gerar emprego e renda a todos os que precisem, abrindo seu próprio negócio.

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Operação Lava Jato deixa mais de R$ 90 bi em obras paradas no Brasil

IMG_5659
A Operação Lava Jato deixou um rastro de mais de R$ 90 bilhões em obras paradas de Norte a Sul do Brasil, sem previsão de retomada. A lista inclui grandes empreendimentos que, se estivessem em operação, trariam inúmeros benefícios para a população brasileira, como projetos de mobilidade urbana (metrôs e corredores de ônibus), rodovias, universidades e centros de saúde. Há também instalações industriais de grande relevância para a economia nacional, como os investimentos da Petrobrás.
Alguns projetos foram paralisados por suspeitas de sobrepreço, outros por divergências em relação ao valor das obras e também por falta de financiamento ou recursos próprios para tocar a construção. Todos os empreendimentos têm em comum o fato de estarem sendo construídos por empreiteiras envolvidas no maior escândalo de corrupção do País e que hoje estão com graves problemas financeiros, sem caixa e sem crédito no mercado. O levantamento das obras foi feito pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (Cbic) e pelo Estado e considerou apenas os grandes projetos.

Ex-prefeito de Felipe Guerra é condenado por não apresentar dados fiscais ao TCE no prazo legal

O juiz de direito substituto, Eduardo Neri Negreiros, da Comarca de Apodi, condenou o ex-prefeito do Município de Felipe Guerra, Braz Costa Neto, em virtude da prática de improbidade administrativa consistente na ausência de apresentação dos Relatórios de Execução Orçamentária e de Gestão Fiscal referentes ao ano de 2011 ao Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte.
Com isso, o ex-prefeito teve suspensos os direitos políticos por quatro anos e terá que pagar multa no valor de 40 vezes o valor da remuneração percebida pelo agente à época do ilícito, quantia a ser atualizada pelo IPCA e com juros de mora. Ele também está proibido de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos.
Em seu julgamento, o magistrado explicou que, conforme previsão da Lei de Responsabilidade Fiscal – LRF, o Chefe do Poder Executivo, de modo a dar transparência a sua gestão para que seja feito o controle e fiscalização, deve apresentar periodicamente o Relatório Resumido da Execução Orçamentária e o Relatório de Gestão Fiscal.
Entretanto, observou na prova dos autos que Braz Costa Neto deixou de apresentar ao TCE/RN o Relatório Resumido de Execução Orçamentária – RREO e o Relatório de Gestão Fiscal – RGF relativos ao exercício de 2011.
Para ele, verifica-se que a conduta praticada pelo agente é ilícita visto que agiu em desacordo com os diplomas legais citados que estabelecem prazo para o envio de relatórios, uma vez que deixou de apresentar os Relatórios necessários à transparência da sua gestão ao órgão de controle.
“O ato do denunciado é improbo pois se coaduna com as condutas previstas nos incisos I, IV e VI do art. 11 da LIA, tendo em vista que o requerido retardou e deixou de apresentar os relatórios que era obrigado por previsão legal, negando, assim, publicidade aos atos oficiais que tratam dos orçamentos e finanças públicas, vez que deixou de prestar contas quando estava obrigado por lei a fazê-lo”, pontuou.
Eduardo Neri Negreiros verificou ainda que o ex-prefeito agiu com dolo, vez que, a prestação de contas é obrigação legal dos chefes do poder executivo, prevista em lei, da qual o administrador tem amplo conhecimento, logo, uma vez que, ele deixou de praticar tal ato, configura-se que houve má-fé.

domingo, 18 de junho de 2017

No RN, edital para fortalecer queijeiras abre inscrições para pequenos produtores


Agricultores familiares que produzem queijo no Rio Grande do Norte terão a oportunidade de regularizar e modernizar a atividade através de um programa de incentivo do governo do estado. A iniciativa tem como objetivo a estruturação desta cadeia produtiva através do fortalecimento da produção primária, da melhoria no processo de beneficiamento e de comercialização dos produtos. Serão disponibilizados R$ 23 milhões para beneficiar uma média de vinte organizações produtivas. 

Para participar do edital, os pequenos produtores precisam fazer parte de uma cooperativa ou associação rural. O prazo pra inscrição é 18 de julho e cada projeto pode receber até R$ 450 mil para investimentos. Os produtores precisam entrar com uma contrapartida de 20% do valor.

FONTE:  Robson Pires

Crise: cartões de crédito acabando


Só os dois maiores bancos do País – Banco do Brasil e Itaú – cortaram 1,2 milhão de cartões de crédito entre janeiro e abril.
As classes mais baixas são mais atingidas.

STF sobre prisão de Aécio e investigação de Temer tiram foco das votações

Vai ficar difícil para o governo, diante do quadro de crise, continuar a simular um cenário de normalidade no Congresso
Nos bastidores, atores centrais do governo avaliam como muito ruim para Temer a manutenção da delação premiada da JBS nas mãos de Fachin
O noticiário da semana pós-feriado de Corpus Christi vai se dividir principalmente entre o Supremo Tribunal Federal (STF) e as duas principais Casas do Legislativo. Mas, com “fatos novos” em sequência a alimentar a mais grave crise política do governo Michel Temer, o Judiciário deve atrair os holofotes da imprensa ainda mais do que o Congresso, na iminência de decisões que, por exemplo, podem resultar na prisão do senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) e manter a delação de executivos da JBS com o ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no STF. Enquanto isso, em meio ao cenário de turbulência política conflagrada, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, prepara denúncia contra Temer por corrupção passiva, associação criminosa e obstrução de Justiça, embora a apresentação da peça acusatória só deva ser formalizada na próxima semana. E, nesta segunda-feira (19), a Polícia Federal finaliza o inquérito aberto contra Temer no Supremo.
Vai ficar difícil para o governo, diante do quadro de crise, continuar a simular um cenário de normalidade no Congresso, onde pautas de crucial interesse do Planalto estão emperradas diante das denúncias de corrupção na gestão peemedebista. Confiante no apoio da base aliada na Câmara para barrar a denúncia de Janot, Temer tem visto tal sustentação ameaçada pelos recentes sinais de que o PSDB, depois de declarações de Fernando Henrique Cardoso, pode estar de saída do barco governista – FHC chegou a falar até em eleições diretas diante da rachadura da “pinguela” de Temer. O eventual desembarque tucano, além de ameaçar de vez o mandato de Temer, pode contribuir para o sepultamento das reformas trabalhista e da Previdência da forma com que foram concebidas pelo governo.
Na próxima terça-feira (20), enquanto a Primeira Turma do Supremo analisará dois recursos diametralmente opostos – Aécio pede que sua liberdade seja assegurada, enquanto Janot reforça o pedido de prisão do tucano –, a segunda comissão temática do Senado votará o relatório do senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), governista que defende o rompimento com Temer e, em contrapartida, as reformas por ele patrocinadas. Uma vez aprovado o texto na Comissão de Assuntos Sociais, restará nova rodada de debates na Comissão de Constituição e Justiça antes da votação final de plenário. Seria o mundo ideal para Temer, que abriria caminho para a mais difícil das pautas do Congresso, a reforma da Previdência.
Mas toda as atenções estarão voltadas para o STF, onde um dos caciques do PSDB terá seu futuro definido. Na hipótese de que a Primeira Turma decida pela prisão de Aécio – que, ao final, ainda teria de ser confirmada pelo plenário do Senado –, especula-se nos bastidores que o partido se sentiria definitivamente livre para romper com Temer, uma vez que não mais precisaria do apoio do PMDB do presidente para livrar o tucano da cassação no Conselho de Ética. Como efeito dominó, estaria inviabilizada uma aliança PMDB-PSDB para as eleições gerais de 2018, numa situação em que deputados tucanos também se veriam desimpedidos para votar favoravelmente à denúncia de Janot. Com 46 representantes, a terceira maior bancada da Câmara é considerada crucial para a manutenção da base de sustentação, ainda mais considerando-se o fator de influência dos tucanos sobre outras legendas, como DEM e PPS. Para discutir a relação com o Planalto, uma nova reunião da cúpula tucana está agendada para esta semana.
Contra Aécio – e, por tabela, contra os planos de Temer – pesa o fato de que, já afastado do mandato, o senador pode ter violado os termos do despacho de Fachin sobre restrições como não votar ou não participar de reuniões e decisões no Senado, seja em plenário ou em comissões temáticas. E, como é praxe para presos postos em liberdade condicional no transcurso de inquéritos, a proibição de que o parlamentar em questão se reúna com outros investigados – como Aécio fez, dias depois de ter sido afastado, ao receber em sua casa correligionários como José Serra (PSDB-SP), Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) e Antonio Anastasia (PSDB-MG), os três na mira da Lava Jato. No reforço do pedido de prisão, Janot anotou a “extravagância” do tucano, que desagradou aos pares ao resultar em registro no Facebook com direito a foto.
Além disso, preocupa Aécio o fato de que três ministros da Primeira Turma, maioria no colegiado de cinco membros, tenham votado pela manutenção da prisão de sua irmã, Andréia Neves. Espécie de braço-direito do senador na política de Minas Gerais, a jornalista é acusada de integrar com o irmão um esquema de corrupção que consistia, em outras práticas criminosas, no recebimento de dinheiro para intermediar interesses do Grupo JBS, responsável pelos repasses, junto ao poder central. Além de Andréia, um primo de Aécio também está preso por desdobramentos da mesma investigação.
Aécio foi afastado do mandato em 18 de maio, quando as delações dos executivos da JBS, vieram à tona. O senador foi gravado por Joesley pedindo R$ 2 milhões ao empresário. Com o afastamento, a assessoria da presidência do Senado informou que parte dos vencimentos do parlamentar será cortada – o salário de um senador é de R$ 33,7 mil. Aécio, contudo, continuará a receber a parte fixa de sua remuneração, equivalente a mais de R$ 11 mil reais. Ele não tem mais direito à verba de representação e a carro oficial. Seu registro de presença também foi bloqueado, ainda segundo as informações da Casa.
Questão de ordem
Na quarta-feira (21), dia seguinte à análise do pedido de prisão de Aécio, a temperatura continuará quente em Brasília. É que o plenário do STF vai decidir se a homologação da delação premiada dos executivos da JBS, pivô da crise, caberia mesmo a Fachin, que determinou a homologação. Além de Aécio e seus parentes, as revelações dos irmãos Joesley e Wesley Batista e de diretores do grupo atingem Temer e um de seus mais próximos aliados, o ex-deputado Rodrigo Roucha Loures (PMDB-PR), flagrado correndo com uma mala de R$ 500 mil – segundo investigadores, a primeira das várias parcelas de um montante que, pagas semanalmente em um prazo de mais de 20 anos, seria uma espécie de aposentadoria para Temer e Loures.
O exame sobre a homologação foi pautado pela presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, a partir de ação ajuizada pelo governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), justamente questionando a validade da delação e responsável pelo fechamento do acordo de colaboração judicial. Na ocasião, o pleno discutirá ainda uma questão de ordem apresentada pelo próprio Fachin sobre as atribuições de um relator de processo – ou, em outras palavras, os “limites de atuação do magistrado no acordo de colaboração”.
Reportagem do jornal Folha de S.Paulo mostrou que a Procuradoria-Geral da República vai utilizar uma decisão do ministro Alexandre de Moraes, ex-tucano indicado por Temer para a Corte, para defender a manutenção da relatoria do caso JBS sob responsabilidade de Fachin. Em 17 de abril, Moraes assinou documento em que se reconhece a competência de Fachin para o julgamento de casos atrelados ao FI-FGTS, uma das questões aventadas pelos delatores da JBS. Os relatos sobre a influência do grupo de Temer sobre o fundo estão relacionados ao inquérito que investiga condutas do presidente da República.
Nos bastidores, atores centrais do governo avaliam como muito ruim para Temer a manutenção da delação premiada da JBS nas mãos de Fachin, que já deu demonstrações de que não facilitará a vida dos investigados – vide a prisão de Rocha Loures, executada em um sábado. Indicado ao STF, em abril de 2015, pela então presidente Dilma Rousseff, o ministro é conhecido pela discrição, mas também pelo rigor de suas decisões a respeito de crimes de corrupção.
Universo paralelo
Enquanto os desdobramentos jurídicos da crise ditam a tensão na política, senadores têm matérias a votar em plenário. Um exemplo é o substitutivo apresentado à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 113/2015, cujo conteúdo promove uma espécie de minirreforma eleitoral. De autoria de Antônio Carlos Valadares (PSB-SE), o texto alternativo reduz a idade mínima para o exercício dos cargos de governador e vice. A matéria pode ser votada em primeiro turno nesta semana.
Também estão prontas para o plenário a proposta que torna estupro um crime imprescritível (PEC 64/2016), já aprovada em primeiro turno; a que simplifica o regime de prestação de contas de pequenos municípios (PEC 77/2015); e a que autoriza o Congresso a entrar em recesso no meio do ano mesmo sem ter aprovado a Lei de Diretrizes Orçamentárias (PEC 103/2015). Essas duas últimas ainda aguardam votação em primeiro turno.
Já na Câmara, em sessões que devem ser realizadas entre a segunda (21) e a quarta-feira, consta da pauta de plenário o Projeto de Lei 3012/2015, de autoria de Alice Portugal (PCdoB-BA). O texto foi aprovado nas comissões de Educação e de Defesa dos Direitos da Mulher e prorroga por mais quatro meses a bolsa de estudantes que deem à luz. O benefício é restrito às bolsas de estudos com duração mínima de 12 meses que contemplam alunas de mestrado, doutorado, pós-doutorado, estágio sênior e da chamada “graduação sanduíche” – um período fora do país de origem.
Também está pautada para os deputados a votação do Projeto de Resolução 190/2001, que altera regras de arquivamento de propostas ao fim de cada legislatura. O objetivo do texto é reduzir o acúmulo de matérias com tramitação inconclusa, sem a devida deliberação.
Também pode ser votado o Projeto de Lei 4742/2001, que inclui no Código Penal o crime de assédio moral no trabalho, endurecendo sua punição – pena de detenção de um a dois anos. O tipo penal passa a ser descrito como depreciação reiterada da imagem ou da performance do trabalhador ou servidor público, sem configuração de justa causa, em decorrência de vínculo hierárquico funcional.


FONTE: Congresso em Foco


NATAL: Pai e filho são assassinados a tiros e facadas no bairro do Planalto

Vítimas fatais foram identificadas como Vivaldo Batista dos Santos, de 36 anos, e o estudante Valdemar Lima dos Santos, de 15; suspeitos fugiram a pé
Um crime brutal foi registrado na manhã deste domingo 18 no bairro do Planalto, situado na zona Oeste de Natal. Pai e filho foram assassinados a tiros e facadas por três homens, que fugiram logo depois da ocorrência.
Segundo informações da Polícia Militar, os três suspeitos chegaram ao endereço do assassinato em busca de um sobrinho do pai que foi assassinado. Lá, entraram em luta corporal com o homem e com seu filho, de 15 anos.
As vítimas fatais foram identificadas como Vivaldo Batista dos Santos, de 36 anos, e o estudante Valdemar Lima dos Santos. Os autores dos homicídios fugiram a pé, uma vez que o carro em que estavam quebrou na frente do local do crime.
As investigações do caso já foram iniciadas pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Até o momento, ninguém foi preso.

FONTE: AGORARN

BAHIA: Liberado pela prefeitura, Forró Nu acontece neste sábado


Realizado em sítio de Massarandupió, no Litoral Norte, evento recebeu autorização municipal e terá 60 casais, a maioria de outros estados
A presença de crianças também está proibida. Apenas casais serão autorizados a participar do forró



O licor está tinindo, o milho descascado, as bandeirolas erguidas e a fogueira pronta para manter o fogo aceso. Mas, e a fantasia de caipira? Bem, ela será totalmente desnecessária. Chegou o grande dia! Agora é oficial: a prefeitura da cidade de Entre Rios, município ao qual Massarandupió faz parte, confirmou a liberação do Forró Nu. O evento levantou polêmica e dividiu opiniões na localidade, no Litoral Norte, a 90 Km de Salvador.

O organizador da festa, Davi Andrade, disse que recebeu autorização do município e está quase tudo pronto. No total, 60 casais devem participar do Forró Nu. A maioria, diz Davi, vem de outros estados. “São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Pernambuco. A procura é grande, mas não vamos passar de 60 casais”, garantiu Davi.

O procurador do município confirmou que, após vistoria, foi constatado que a organização cumpriu todas as recomendações da prefeitura. O Espaço Liberdade, sítio onde será realizado o rala-coxa, foi devidamente cercado com palhas para que os participantes não sejam expostos a olhares curiosos.

“Mas nossa intenção principal era proteger a comunidade. Por isso, além de todas as recomendações impostas a qualquer evento, solicitamos a total vedação do entorno da festa”, explicou Brígido Neto. O Forró Nu é realizado em um estabelecimento particular de Massarandupió. Proprietário do Espaço Liberdade, Davi explica que o evento vai seguir as regras do código de ética naturista, que proíbe, entre muitas outras coisas, sexo explícito.

Fonte: Correio24h

JOÃO CÂMARA: Abalo sísmico volta a ser registrado na região Agreste do RN

Segundo o Departamento de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis), o tremor registrado foi de 2,1 graus na escala Richter
Cidade de João Câmara, interior do RN
Era por volta das 8h30 quando a população de João Câmara, cidade distante 73km de Natal e situada na região Agreste do Rio Grande do Norte, sentiu um novo abalo sísmico.
Logo depois do fato, as redes sociais ficaram enfervecidas com os comentários dos moradores. Pouco tempo depois, a situação foi confirmada pela Defesa Civil da cidade.
Segundo o Departamento de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis), o tremor registrado foi de 2,1 graus na escala Richter, considerado fraco.
Historicamente, João Câmara é bastante conhecida pelos abalos. Isso porque a cidade está situada na falha geológica da Samambaia, o que acaba gerando os constantes tremores no município.

SÃO PAULO DO POTENGI: Em posse do PT, Fátima Bezerra divulga agenda da “Caravana das Águas”

posse
A senadora Fátima Bezerra participou na manhã deste sábado (17), na Câmara Municipal, da solenidade de posse do Diretório Municipal do PT em São Paulo do Potengi.
Na fala, Fátima Bezerra evidenciou o empenho de João Cabral na presidência municipal do PT e a sua atuação de destaque como vereador. “O PT só tem a ganhar”. Presidente reeleito, João Cabral agradeceu a confiança e se comprometeu em continuar na luta em prol do fortalecimento do PT.
Senadora aproveitou a ocasião para divulgar a agenda da “Caravana das Águas”, que visitará nos dias 19 e 20, trechos da obra de transposição do Rio São Francisco. Segundo ela, a caravana tem por objetivo conscientizar a população sobre a necessidade de pressionar o governo a dar continuidade às obras da transposição.
“Um antigo sonho acalentado pelo povo sertanejo do semiárido nordestino se transformou em realidade graças à ousadia dos governos Lula e Dilma que retiraram do papel um projeto que vinha sendo estudado e prometido desde o período imperial e concluíram 90% das obras da transposição”, disse Fátima.

sábado, 17 de junho de 2017

MOSSORÓ: Agricultores morrem em acidente entre carro e moto na BR-405 no RN


Acidente aconteceu na BR-405, na saída de Mossoró. Dois homens que estavam na moto morreram no local.

Dois agricultores morreram em um acidente envolvendo uma moto e um carro na noite desta sexta-feira (16) na BR-405, na saída de Mossoró. Os agricultores estavam na moto que foi atingida por um carro. Os dois morreram no local.

As vítimas foram identificadas como Luiz da Costa Lima, de 39 anos de idade, e Jonas Nunes da Silva, de 37.

O acidente aconteceu próximo à comunidade de Pedra Branca, na saída de Mossoró para a cidade de Apodi. A polícia acredita que o carro, um Palio com placas de Mossoró, tenha batido na traseira da moto que acabou ficando presa ao veículo. A moto foi arrastada por cerca de 300 metros.

As vítimas foram jogadas para fora da pista. Quando agentes da Polícia Rodoviária Federal chegaram ao local encontraram os corpos e a moto presa ao veículo, mas o motorista do carro não estava no local. Pouco tempo depois ele se apresentou aos agentes da PRF e disse que tinha fugido do local por medo da reação dos moradores da localidade.

FONTE: G1/RN

MOSSORÓ: Deu a largada de Chuva de Bala no País de Mossoró

chuva de bala
O espetáculo Chuva De Bala No País De Mossoró teve sua estreia na noite desta sexta-feira, no adro da Igreja de São Vicente. O espetáculo conta a história da resistência de Mossoró ao bando do cangaceiro Lampião, num combate que aconteceu em junho de 1927. Nestes 90 anos de Resistência, o espetáculo musical épico campal chega a sua 16ª edição, adaptado do texto original do poeta potiguar e escritor Tarcísio Gurgel.
Setenta e seis (76) artistas pisarão o palco mais uma vez, com a tarefa de contar e cantar a história que enche de orgulho aos mossoroenses e potiguares. Nos papéis protagonistas do Coronel Rodolfo e do Capitão Lampião, os atores Marcos Leonardo e Dionizio Cosme do Apodi, respectivamente, celebram um brilhante retorno aos papéis que os tornaram célebres no estado. Como narradores da história, um trio de cantores populares, Tonho, Totonho e Toinho, respectivamente representados pelos reconhecidos atores Leonardo Wagner, Romero Oliveira e Jeyzon Leonardo.

RN ultrapassa os 1.100 crimes

Em menos de seis meses do ano, o Rio Grande do Norte ultrapassou os 1.100 assassinatos. Desse total, 14 foram contra agentes de segurança pública. Os dados do Observatório da Violência (OBVIO) dão conta de 1.119 crimes em todo o estado entre 01 de janeiro e 15 de junho de 2017; o que equivale à 234 mortes á mais do que o mesmo período do ano passado.
armado

Cantora de Forró Eliza Clivia e o marido morrem em acidente de carro no Centro de Aracaju, diz produtor





No início da tarde desta sexta-feira (16) a cantora paraibana Eliza Clivia, 36 anos, ex-vocalista da Banda Cavaleiros do Forró , e o marido o baterista Sérgio Ramos morreram em um acidente de trânsito no Centro de Aracaju, segundo o produtor da cantora Jailson Souza.

A cantora, que iniciou a carreira solo há quatro meses, estava em Aracaju para divulgar um show, que seria realizado na noite desta sexta-feira (16), e fazer entrevistas.

De acordo com Souza , ela e o marido estavam em um veículo que bateu em um ônibus nas esquinas das ruas Arauá e Maruim, quando retornavam de uma entrevista. Além do casal, outras três pessoas da equipe estavam no carro foram socorridas, com ferimentos leves, e encaminhadas a um hospital de Aracaju. E segundo a polícia, elas foram identificadas como: Cleberton José dos Santos, João Paulo Tavares da Silva e Paulo Texeira de Carvalho.

sexta-feira, 16 de junho de 2017

MOSSORÓ: Uma parte da estrutura do cidade junina desaba e atinge uma mulher

IMG_5552
A estrutura que fica na lateral do camarote institucional da Prefeitura no Mossoró Cidade Junina, montada pela empresa D K Monteiro Coelho Produções e Eventos Eireli, desabou na tarde desta sexta-feira, 16, caindo em cima de uma biz e de um carro tipo Celta, deixando ferida Nádia Ribeiro, que vinha do trabalho com o marido na moto. Segundo Rodrigo Ribeiro, esposo de Nádia, tudo aconteceu de forma muita rápida.
“A gente vinha e a mureta caiu em cima da gente. Aparentemente minha mulher está bem, ficou ferida no braço, que despelou. Por mim, fechava tudo. Não era para isso ter acontecido”, desabafou.

A DESPEDIDA DE MÁRCIA MAIA A SUA MÃE WILMA

Não há, na face terrena, algo tão onipresente quanto à presença de uma mãe. Há, inclusive, quem diga que elas são justamente um presente de Deus. Talvez através dela, Ele nos observe de perto enquanto somos frágeis, indefesos, e nos proteja. E talvez por isso, pelo fato de tê-la sempre ao meu lado, nunca havia imaginado dizer adeus.
Às 23h40 dessa quinta-feira mamãe deixou o nosso convívio para encontrar o seu lugar ao lado de Deus.
Presente nos momentos mais intensos e também os mais singelos da minha vida, ela sempre trazia consigo uma palavra de sabedoria para oferecer, de luta para entregar e de bom humor para nos fazer sorrir.
Exemplo como mãe, também protagonizou como mulher ao subjugar todo o preconceito da política e provar que não há vitória sem luta -, mas que era possível vencer nesse universo muitas vezes desleal e desigual para nós, mulheres.
Corajosa e apaixonada pelo que fazia, uniu lados, promoveu avanços, revolucionou no estado ao realizar uma política social que defendeu aqueles que mais precisavam.
A lista de feitos enquanto gestora é imensa, mas a lista de conquistas enquanto mãe e mulher são também exemplos que merecem ser exaltados. Posturas, palavras, olhares do dia a dia que ensinavam o melhor caminho a seguir.
Lutou enquanto as forças lhe permitiram, não desistiu. Apenas acolheu o chamado do Pai-Celestial que a convidou definitivamente para seu convívio.  A coragem com qual guiou todos os seus passos em vida é o seu grande legado.
Agradeço a todas as mensagens de conforto, carinho e admiração que temos recebido. Para todo o Rio Grande do Norte, fica a imagem da vitoriosa e guerreira do povo potiguar.
Para mim, o exemplo de mãe e mulher, os quais continuarão firmes em meu coração e como bussolas do meu caminhar, todos os dias, para manter vivo não apenas seu nome, mas principalmente, seu espírito de luta, ousadia, amor e vitória entre todos nós.
Muito obrigada por tudo, minha mãe. Vá em paz. 
Te amo eternamente.

DEPUTADA ESTADUAL Márcia Maia

CAICÓ: Com apoio do Governo do Estado, prefeitura de inicia perfuração de poços

perfuratriz1
Depois de receber a perfuratriz enviada pelo Governo do Estado, a prefeitura de Caicó iniciou a perfuração de poços em diversos locais do município. Os pontos foram alocados com apoio das equipes da secretaria municipal de Agricultura.
Um poço perfurado na área do Matadouro Municipal, na quarta-feira (14), deu água com uma vazão estimada em aproximadamente 2000 litros por hora. “É a parceria entre Prefeitura Municipal e Governo do Estado trazendo bons resultados para amenizar a necessidade do nosso povo”, disse o prefeito Batata Araújo.
NOTA DO BLOG: Bem que poderia também ser feita essa parceria para que melhorasse a oferta d'água em nosso município, com a palavra nossas lideranças.

MOSSORÓ: Estação das Artes registra recorde de público na abertura da temporada de shows





Um verdadeiro mar de gente. Uma multidão cantou os sucessos da banda Aviões do Forró, que se apresentou nesta quinta (15) na Estação das Artes Elizeu Ventania. Iniciou a temporada de shows que segue até o dia 30 deste mês.

Além de Aviões, a noite contou ainda com John Modão e Saia Rodada. Os shows começaram às 21h, sendo Aviões a última a se apresentar, iniciando às 12h uma apresentação de mais de duas horas.

“É sempre uma emoção voltar pra Mossoró, pra meu estado e mais ainda para o Mossoró Cidade Junina. Essa festa que está consolidada entre as maiores festas juninas do Brasil”, destacou Xandy, que foi recepcionado no camarim pela prefeita Rosalba Ciarlini.

Nesta sexta (16) é a vez da noite do forró das antigas com João Neto Pegadão, Felipe Costa, Banda Lagosta e Forró dos 3.

Liberação – O juiz Mádson Otonni deferiu liminar impetrada pelo município e assim foram liberados nesta quinta os camarotes institucionais, que haviam sido interditados pelo Corpo de Bombeiros. O documento encaminhado pela Procuradoria atesta, através de laudo técnico da Secretaria Municipal de Infraestrutura, que as pendências citadas não oferecem risco à estrutura física dos camarotes. 

O COLÍRIO DO BLOG PARA ESTA SEXTA-FEIRA


CIRCULA NA INTERNET

OI GENTE HOJE É SEXTA FEIRA, VAMOS DEGUSTAR ALGUMAS GELADAS?

Wilma de Faria: uma “GUERREIRA” que quebrou paradigmas


wilma_sorri_1_jpg

Faleceu, vítima de um câncer no estômago, a ex-governadora do Rio Grande do Norte Wilma de Faria, que atualmente exercia o mandato de vereadora de Natal.
Em sua trajetória, “A GUERREIRA”, como ficou conhecida, quebrou paradigmas. Foi a primeira deputada federal do Rio Grande do Norte, participando da elaboração da Constituição de 1988. Em seguida, foi a primeira prefeita de Natal, cidade que administrou por dois mandatos e meio.
Em 2002, veio o maior desafio da sua carreira política. Mesmo sem apoio das principais lideranças políticas e sem estrutura, ela renunciou à Prefeitura para disputar o Governo do Estado. Iniciou no terceiro lugar nas pesquisas e terminou a eleição se tornando primeira mulher a governar o Rio Grande do Norte.
Já no governo, Wilma fez o PSB, legenda que comandava, se tornar o maior partido do Estado. Em 2006, veio um novo desafio: disputar a reeleição contra o maior líder popular do RN, o senador Garibaldi Filho (PMDB). A então governadora começou a campanha com 23% de desvantagem nas pesquisas. Conseguiu ultrapassar o adversário ainda no primeiro turno, consagrando a vitória na segunda etapa eleitoral.
Após chegar ao ápice da carreira, Wilma deu uma grande lição de humildade em 2012, quando aceitou ser vice do prefeito Carlos Eduardo (PDT) na disputa pela prefeitura de Natal. Em 2016, foi eleita vereadora da capital pelo PTdoB, último cargo que ela ocupou.
Com uma trajetória que marcou a história do RN, deixa uma legião de admiradores enlutados. Vá em paz, GUERREIRA!

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Temer deveria antecipar eleições como gesto de grandeza, diz FHC


O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso fez declarações a respeito da atual situação política do Brasil. Ao globo, o tucano afirmou que Michel Temer deveria ter o ato de grandeza de pedir eleições gerais antes de 2018.
“A ordem vigente é legal e constitucional (daí ter mencionado como ‘golpe’ uma antecipação eleitoral) mas não havendo aceitação generalizada de sua validade, ou há um gesto de grandeza por parte de quem legalmente detém o poder pedindo antecipação de eleições gerais, ou o poder se erode de tal forma que as ruas pedirão a ruptura da regra vigente exigindo antecipação do voto”, escreveu o tucano na nota.
Até o momento, o pedido de eleições diretas tem partido da oposição. O próprio FHC já havia caracterizado a possibilidade como um golpe.
“A volatilidade da conjuntura política é de tal ordem que qualquer prognóstico se torna precário. Vivemos, como diria o dr. Ulysses (Guimarães), sob os impulsos de sua excelência O Fato”, se defendeu o ex-presidente.
Fonte: Notícias ao Minuto

Fiscalização nas rodovias federais será reforçada até domingo


A operação, com o objetivo de reduzir o número de acidentes de trânsito, vai contar com 2.083 viaturas, 1.056 motocicletas, 2.411 aparelhos etilômetros (o bafômetro) e 396 radares portáteis.

Em alguns postos, a PRF vai convidar condutores a assistir vídeos que mostram comportamentos inadequados no trânsito. 

Cartão-postal de Natal vira ‘cemitério’

DCXmPkfXsAED890
Organizações Não Governamentais montaram um ‘cemitério’ na manhã desta quinta-feira (15) na praia de Ponta Negra, na Zona Sul de Natal. Aos pés do Morro do Careca, principal cartão-postal da cidade, foram fincadas 1.000 cruzes de madeira simbolizando os mais de 1.000 assassinatos registrados somente este ano no Rio Grande do Norte.
De 1º de janeiro até esta quarta (14), pelo menos 1.114 pessoas já haviam sido vitimadas pela violência no estado – um crescimento superior a 26% em comparação ao mesmo período do ano passado. Os dados são do Observatório da Violência (OBVIO), instituto que contabiliza e analisa os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) registrados no RN.

Quadro de Wilma é irreversível. Extrema-unção foi dada


A vereadora e ex-governadora do Rio Grande do Norte Wilma de Faria não está mais na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hopital São Lucas de Natal. 
Wilma encontra-se em apartamento da casa de saúde sedada.
Seu estado de saúde é irreversível. Todos os seus familiares se encontram no local.
Vários padres amigos da “GUERREIRA” estão indo visitá-la. Wilma já recebeu a unção dos enfermos (extrema unção).
O sacramento concede ao católico uma graça especial para enfrentar as dificuldades próprias de uma doença grave.
Mas…
Wilma ainda dá os últimos suspiros. Orações pela “Guerreira.

FONTE: Robson Pires

Manifestação “RN de Paz” acontece na Praia de Ponta Negra nesta quinta-feira

Mil cruzes pretas serão fincadas na praia de Ponta Negra, próximo ao Morro do Careca, para cobrar o direito das famílias do RN de poderem viver livres da violência
Ponto de encontro é nas proximidades do Morro do Careca
Hoje, quinta-feira 15, o “RN de Paz” (movimento composto por igrejas e organizações cristãs da cidade de Natal, como a Ordem dos Pastores Evangélicos de Natal, Missão ALEF, Nativa, Pais Project e Jesus Warriors, e também pelo Obvio – Observatório da Violência Letal no RN, órgão ligado a Ufersa) irá promover manifestação pública em que mil cruzes pretas serão fincadas na praia de Ponta Negra, próximo ao Morro do Careca, para cobrar o direito das famílias do RN de poderem viver livres da violência com armas de fogo.
De acordo com o contador de homicídios no Rio Grande do Norte no site do Sinpol – Sindicato da Policia Civil até o dia 11 de junho de 2017 foram registrados 1.082 casos de assassinatos no RN, um número equivalente a mais de 50 atentados de Manchester, a mais de 15 ônibus completamente lotados, mais de quatro salas de cinema completamente cheias em um dia de estreia. Um número triste inédito na história do estado potiguar.
Toda a sociedade está sendo convidada pelos organizadores a participar do ato, que se dará na manhã do feriado de Corpus Christi. Devido à tabua de marés, o horário para a fixação das cruzes foi definido a partir das 8h e o ato deverá iniciar oficialmente (já com as cruzes afixadas) às 10h, com a participação de centenas de pessoas. O ponto de encontro é nas proximidades do Morro do Careca (um dos principais cartões postais da cidade).
Para Leandro Silva, presidente da Missão ALEF (organização que surgiu a partir de um contexto de violência no bairro de Felipe Camarão em Natal) e um dos organizadores do ato, a manifestação é um movimento de oração, mas também de ação que visa chamar a atenção das autoridades para a magnitude do problema. “União, Estado e Município têm o dever de sentarem à mesa a fim de apresentarem políticas públicas que tenham como objetivo diminuir tão alto índice de letalidade, que afronta toda a sociedade”.