ULTIMAS NOTÍCIAS

quinta-feira, 30 de março de 2017

“Preocupação agora é trazer água pelo Ramal Apodi para abastecer maior parte do RN”, diz Fábio Faria sobre transposição

fabio integração
Em audiência da bancada federal do Rio Grande do Norte no Ministério da Integração Nacional, com a presença de praticamente todos os parlamentares, o ministro Hélder Barbalho reforçou que as águas da transposição do Rio São Francisco vão chegar em território potiguar ainda este ano, em dezembro, pelo rio Piranhas-Açu, e garantiu a execução das obras do Ramal Apodi. “Já temos essa garantia, mas precisamos estar constantemente cobrando para agilizar o principal projeto, o do ramal Apodi, que levará água à maior parte dos municípios do RN”, afirmou o deputado Fábio Faria.
O parlamentar, na audiência, solicitou ao ministro que o RN tenha a mesma carência para início de pagamento da água que os estados da Paraíba e Pernambuco pelo Eixo Leste – no caso, um período de 12 meses. A cobrança já está prevista para começar em março. “É essencial que se teste primeiro todo o funcionamento do Eixo Norte e, somente após essa estabilização, os valores comecem a ser cobrados”, afirmou Faria. Ele ainda lembra as questões relacionadas à gestão da água do São Francisco que correrá por trechos da PB. ‘”Ainda não há definição pela Agência Nacional de Águas sobre monitoramento e fiscalização dessa água que chegará ao RN. Tudo isso precisa ser acertado”.
Aos parlamentares do RN, o ministro da Integração Nacional afirmou que irá usar no Eixo Norte a mesma estratégia do Leste para acelerar o processo e atender mais rapidamente os municípios. “Utilizar bombas para fazer o sangramento na parte contínua do canal, sem depender da cheia dos reservatórios, é uma boa estratégia. Em Monteiro, as bombas permitiram antecipar em 45 dias a chegada da água à população afetada pela seca”, disse Hélder Barbalho na audiência com a bancada do RN.
As águas que vierem pelo Ramal Apodi serão acumuladas nas barragens de Santa Cruz do Apodi e Pau dos Ferros, abastecendo dezenas de municípios potiguares. A data de início dessas obras ainda não foi estabelecida. “O objetivo é que esse projeto seja prioridade no Ministério para que o nosso Estado não sofra mais com atrasos – nosso caso é urgente”, reforçou Faria. Atualmente as obras do Eixo Norte estão 94,52% concluídas. Na próxima quarta-feira, o ministro se comprometeu a detalhar o cronograma e a continuidade das obras da transposição

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado mediante a aprovação do Moderador.

Não publicamos comentários sem assinatura (Anônimos).

Sua participação ajuda a melhorar nosso trabalho!

Agradecemos por acessar nossa página !
_____________________________
Equipe do Sertão RN